Simbiose NET
(31) 9 8860-6202   
contato@simbiosenet.com.br      
 
9 8521-7558
 

9 8521-7558
9 8521-7558
 
9 8521-7558
9 8521-7558



Artigos com 500 palavras


1) http://tex10.com.br
2) https://www.redaweb.com.br/#
3) http://agenciapalandi.com.br/#


Pensando na infinidade de “preocupações” este artigo foi desenvolvido para contribuir com um dos pontos que mais ganha destaque atualmente nas agências de Marketing Digital: SEO.
 
O SEO é uma das melhores ferramentas de Marketing Digital que as empresas possuem para trabalhar sua marca/negócio, ele bem desenvolvido, pensando no usuário e também levando em consideração as métricas do Google, podem levar a sua marca/negócio ao top das buscas. Para desenvolver um bom SEO existem técnicas e regras que devem ser seguidas, e sempre aperfeiçoadas e o profissional que é responsável pelo SEO deve estar sempre antenado com os novos algoritmos do Google. Muitas empresa/marcas estão utilizando agências especializadas neste tipo de trabalho para que possam estar em constante melhoria nos seu ranqueamento. Neste artigo apresentamos dicas da agência Seach Lab para melhorar o seu posicionamento nas buscas orgânicas.
 

Melhorando o Title do seu site

É o título voltado para os mecanismos de busca, também elemento mais importante de todos. Porém, muitas vezes seu espaço é ocupado por slogans ou frases que não descrevem bem a página. Como resultado, o Google pode não identificar a relação do seu site com esses termos.
 
Procure descrever com clareza o tema que a página aborda, e fique atento à ordem das palavras: primeiras têm maior relevância que as últimas.
O número de palavras também tem relevância: quanto menos palavras, maior a importância das mesmas.
Algumas regras simples que pode ajudar na elaboração de Title no seu site:
Crie um único título por página;
Este título precisa ser de acordo com o conteúdo da página;
Deve ter no máximo 70 caracteres (Apesar de o Google ler uma quantidade maior do que esse número, esse é o limite de caracteres que costuma aparecer quando o Google exibe os resultados em uma página de busca)

Otimizando a Meta description:
É o resumo da sua página, artigo ou notícia. A segunda informação mais importante para os mecanismos de busca, logo após o title.
Seu intuito é mostrar para o usuário o que a página aborda, e convencê-lo a clicar no link para ler o conteúdo.
Algumas dicas de como criar uma meta description:
Escreva um texto atrativo e relevante para aumentar a taxa de cliques quando seu site aparecer entre os resultados.

Para que uma pessoa clique em seu link, a meta description precisa ser chamativa, interessante, informativa.
Destaque as informações principais e reforce as palavras-chave que não apareceram no title.
Até pode, mas não é recomendado que contenha mais do que 160 caracteres em seu texto.
Exemplo de page title e meta description:
Veja um exemplo de visualização de uma página em um mecanismo de busca:
 
CONTEÚDO

Para alavancar a visibilidade e o tráfego orgânico de um site de é importante um conteúdo otimizado, que coloque a sua
Pequena Empresa bem posicionada nos mecanismos de busca do Google.
 
A seguir, daremos algumas dicas de SEO para que você produza o seu texto e ganhe relevância no Google:
Trabalhar o conteúdo utilizando a palavra-chave, para que o Google entenda que a mesma tem mais relevância naquela página. Uma boa alternativa para dar relevância à palavra-chave é aumentando o que eles chamam de “densidade da palavra-chave” no conteúdo que está sendo produzido.
 
Repetir sempre que possível, mais de 3 (três) vezes a palavra-chave, incluindo no Título (T) e na Descrição (D)
Utilizar negritos e itálicos na palavra-chave no seu conteúdo das páginas, pois o Google identifica relevância nas páginas que possuem negrito, devido ao destaque dado à palavra e entende que o assunto da página está relacionado ao seu conteúdo.
 
Evite repetições de palavras e de forma aleatória, mesmo as palavras-chaves. Procure usar sinônimos ou variações da palavra-chave, pois enriquece o texto de uma forma natural.
Produzir os textos de forma direta e otimizada para facilitar a busca dos leitores e de acordo com a persona que você quer atingir, ou seja, o público alvo da Pequena Empresa.
 
E por último para dar um toque final ao seu conteúdo, é importante a escolha da imagem e identifica-la de forma correta, para que o Google também possa considerá-la quanto à relevância. Ainda que o Google não leia imagens, mas apenas textos, as imagens podem ajudar no posicionamento dos resultados da Image Search do Google. A dica é a imagem ficar sempre próxima ao seu conteúdo, de forma que texto e imagem estejam relacionados dentro do mesmo assunto, para que o Google use essa informação para dar relevância a essa imagem.
 
Nome do arquivo (JPG ou PNG e o nome deve ser amigável, para facilitar a identificação),
Texto alternativo (caso a imagem não seja carregada, o texto alternativo será exibido)
Contexto (sua localização no código HTML, ou seja, o contexto em que elas estão inseridas na página).
 
Daí se diz que, um bom projeto de Marketing Digital para Pequenas Empresas, sempre busca conteúdos que tenham relevância para as pessoas que estão procurando pelos assuntos e que sejam exclusivos. Textos duplicados não são bem “vistos” pelo Google. Portanto se você quer relevância, produza um texto simples, com qualidade, direto e original.
 
As práticas que foram citadas nesse artigo vão ajudar o seu site a ter um melhor posicionamento nos motores de busca. Porém, otimizar uma página para melhor ranqueamento é um trabalho muito mais complexo do que isso e é importante para aumentar o tráfego e negócios em sua página na web.

Otimizar o SEO de um site é um esforço contínuo, especialmente porque o Google altera seu algoritmo de busca constantemente. Por isso é essencial a execução de uma estratégia da SEO, além de ações de links patrocinados e mídias sociais, que seja bem estruturada e planejada.
 
É fundamental conhecer as ferramentas, ter tempo para planejamento e execução das ações. Neste contexto, entram as agências digitais e consultoria para suporte e desenvolvimento de plano de marketing digital. Suportes para as PME (pequenas e médias empresas) aumentarem a credibilidade, fortalecer a marca e vender mais na internet.

 
Website: http://searchlab.com.br/

http://exame.abril.com.br/negocios/dino/dicas-de-seo-para-pequenas-empresas-e-como-otimizar-seu-site-shtml/


“O conteúdo é rei no SEO”, resume o consultor

Google SEO para produtores de conteúdo: algumas dicas básicas

Especialistas dizem que segredo é escolher a palavra chave antes de escrever o texto
 “A gente escreve para pessoas. Mas são computadores que analisam o que escrevemos e decidem o que exibir para as pessoas.” A constatação sobre como é o ofício de escrever e ter boa audiência na internet é do especialista em SEO Flávio Luizetto, um dos sócios da agência Perfomance Traffic, de São Paulo. A sigla SEO, ou Search Engine Optimization (Otimização de Engenho de Busca), engloba técnicas e processos capazes de melhorar seu rankeamento em sites
de busca, principalmente no onipresente Google, por onde passa quase todo mundo que está online. “Ninguém quer estar na segunda página do Google.

Tem uma brincadeira que diz que lá seria o melhor lugar para esconder um corpo, pois poucos vão até lá. A maioria prefere mudar o termo de busca se não achou o
que estava procurando”, resume o consultor. De fato, menos de 15% dos usuários vão além da primeira página da busca.

Luizetto e seu sócio, Renato Fernandes, estiveram esta semana ministrando cursos e oficinas sobre SEO no Sistema Jornal do Commercio, no Recife,
trabalhando tanto com a equipe de Tecnologia da Informação (TI/Internet), que cuida dos sites mantidos pelo sistema, quanto com produtores de conteúdo de
todos os veículos do SJCC – Portal NE10, Jornal do Commercio, TV Jornal e Rádio Jornal. Nessas oficinas com jornalistas, radialistas e produtores, ele
repassou dicas básicas de como produzir textos com boa possibilidade de ser bem indexado pelo Google.
Escolha bem sua palavrachave

O primeiro ponto a observar, detalha Luizetto, é a necessidade de se pensar sobre qual a palavrachave
(keyword) ideal antes mesmo de se começar a
escrever o texto. Se houver qualquer dúvida, vale uma consulta a uma ferramenta gratuita do próprio Google, chamada Trends (Google.com/trends). Nesse
serviço é possível digitar vários termos, comparar a força de cada um deles nas buscas do Google ao longo do tempo e ainda descobrir a localização
geográfica em que essas buscas ocorrem.

Escolhida a palavrachave,
é importante que ela apareça no título, na descrição da matéria e ao longo do texto.
“Estudos indicam que a keyword deve aparecer em de 5% a 12% do texto”, explica Luizetto. Pelo menos uma vez
a cada parágrafo seria desejável. E essa palavra chave
pode ser negritada, o que indica ao algoritmo do Google
que aquele é o termo principal daquele conteúdo. “O conteúdo é rei no SEO”, resume o consultor, citando uma
máxima da rede.

Outra boa prática é usar imagens com a descrição do que contêm. Também é importante evitar colocar dentro do
seu site links para outros sites, principalmente se são bem menores do que seu domínio. Quando seu conteúdo é
relevante e original, ele pode servir de referência para outros sites. Assim, divulgue para sites especializados ou
grupos de interesse, pois sempre que um outro domínio aponta para seu produto, isso vai contar pontos em seu
favor para o engenho de busca.


Dicas de SEO (Search Engine Optimization)

Ao produzir seu conteúdo, leve em consideração essas dicas:
1 – Pense bem na palavrachave
do seu texto. Se tiver dúvida, use o Google Trends para escolher o termo que é mais buscado.
2 – Use sua palavrachave
no título, na descrição e pelo menos uma vez a cada parágrafo.
3 – Não use a palavra chave em mais de 12% do texto.
4 – Uma palavrachave
especial pode ser usada no início do titulo, seguida de dois pontos. Mas não exagere. Use naquele conteúdo que é único e muito
relevante.
5 – Evite colocar links para fora do site, principalmente se for um site menor do que o seu domínio.
6 – O uso de imagens melhora o posicionamento da sua página no Google. Descreva bem cada mídia incluída.


http://noticias.ne10.uol.com.br/tecnologia/noticia/2017/01/18/seo-para-produtores-de-conteudo-algumas-dicas-basicas-657628.php